Tecnolivas colhe sua segunda safra de azeitonas
A produção de Barra do Ribeiro e Caçapava do Sul deve resultar em

Se neste ano a safra da oliva no Rio Grande do Sul deve ser pelo menos 50%
maior que no ano passado, a Tecnolivas, tem muito o que comemorar na
segunda safra de sua história. Somente no pomar de Caçapava do Sul, por
exemplo, a empresa deve chegar a um crescimento próximo de 60%. E em Barra
do Ribeiro será realizada a primeira colheita na área de 48 hectares ­ que
era estimada para ocorrer apenas em 2015. Para 2016, a área será ainda
maior, com o incremento dos 112 hectares plantados em São Sepé. Com estes
três pomares a Tecnolivas finca posição como a empresa que mais investe,
tendo a maior área total plantada com oliveiras no Rio Grande do Sul, com
200 hectares, 20% da área plantada no estado.
Com o início da colheita ainda em fevereiro ­ um mês antes da abertura
oficial da colheita no estado, as perspectivas são animadoras. ³Apesar do
clima não ter ajudado vamos colher frutas de excelente qualidade², afirma
Osmar Rosa, diretor técnico da empresa.³Em Caçapava deveremos chegar aos
15 mil litros de azeite de oliva produzidos, entre produção própria e de
agricultores consorciados. E na Barra do Ribeiro a primeira colheita deve
ter um resultado final de cerca de 2 mil litros, mas projetamos outros 70
mil dentro de cinco anos².
O final da colheita resulta num blend meticulosamente estudado a partir da
análise das frutas. Em 2014 nos pomares da empresa e de agricultores
consorciados serão colhidas as variedades arbequina, koroneiki, arbosana,
picual e frantoio. O resultado destas combinações já está sendo
comercializado em algumas lojas do Rio Grande do Sul com a marca
Prosperato.
As frutas que entram na indústria já a partir da colheita passam por cerca
de uma hora de processamento até serem elaboradas e transformadas no mais
puro e jovem extra virgem. Neste ano devem ser produzidos pelo menos dois
tipos, produzidos a partir de uma consultoria especializada da Itália: o
Prosperato Premium, mais suave, e um outro, mais picante.

Informações para a imprensa
Nave: Design e Assessoria de Comunicação